slide-slick

segunda-feira, 22 de abril de 2019

Resenha: Nosso Tempo - Anderson Soares (Kiron)

 O que será que o tempo nos reservou?


O livro Nosso Tempo, do autor Anderson Soares, foi publicado em 2018 pela Editora Kiron.  O destino traça seus caminhos por lugares desconhecidos e misteriosos, mas seria possível reescrever nossa história, consertar os erros e criar um novo final?

terça-feira, 16 de abril de 2019

Resenha: Ledd - Vol. 1 (Jambô Editora)


O primeiro volume de Ledd teve sua versão impressa em novembro de 2011 pela Jambô Editora.  A HQ é ambientada em Tormenta, o maior e mais famoso jogo de RPG do Brasil (mesmo cenário de Holy Avenger), e tem roteiro de J.M. Trevisan e desenho de Lobo Borges.  Em dezembro de 2018 foi lançado o 5º volume da série com mais 4 episódios dessa trama.

sábado, 13 de abril de 2019

Abril na Jambô Editora : 20 anos de Tormenta!


Tormenta completa 20 anos!

Neste ano, Tormenta, o maior e mais jogado cenário de RPG nacional, completa 20 anos de publicação. E as comemorações começam agora, no mês de abril, quando a Jambô Editora e os autores de Tormenta lançam a campanha Tormenta 20.

terça-feira, 9 de abril de 2019

Resenha: Telefone sem fio - Vera Helena Rossi (Patuá)


Telefone sem fio, da autora Vera Helena Rossi, foi publicado em 2014 pela Editora Patuá.   A vida está sempre mostrando seus complexos caminhos, esbarrando nas relações humanas e, principalmente, surpreendendo em cada acontecimento.

terça-feira, 2 de abril de 2019

Resenha: Exílio - Crônicas dos Orcs Negros - Vol. 2 - Thiago Drumond (Kimera)

(...) quando essa guerra acabasse, ele procuraria outra.


Exílio, do autor Thiago Drumond, é o segundo volume das Crônicas dos Orcs Negros, publicado em 2018 pela Editora Kimera. Seria possível unir diversas raças, acabando com as guerras e disputas que assombravam todo um continente?  Assim começou a saga de um jovem Orc Negro do deserto de Kargeth.

Lidos e Recebidos: Mês de Março


Vamos conferir os livros que chegaram por aqui em Março.  Aproveitando a oportunidade mostrarei também os livros que li durante o mês.  Alguns já tem resenha por aqui.  Espero que curtam as dicas de leitura e sugestões de livros.

terça-feira, 26 de março de 2019

Resenha: No Zênite da Insanidade - Dylan Ricardo (Chiado)

Entre sorrisos ou prantos somos todos iguais (...)
(Passado, presente e futuro  - p.34)


No Zênite da Insanidade, do autor Dylan Ricardo, foi publicado pela Editora Chiado em 2018.  Entre lembranças e dores, palavras e versos, as poesias formam o retrato de um artista e sua relação com tudo que o cerca.

terça-feira, 19 de março de 2019

Resenha: Línguas de Fogo - Karen Soarele (Cubo Mágico)

Até onde você iria para ajudar um amigo?


Línguas de Fogo, da autora Karen Soarele, é o primeiro volume das Crônicas de Myríade, publicado pela Editora Cubo Mágico, com distribuição pela Jambô Editora.  Uma aventura recheada de perigos, ação  e mistério.  A força da amizade desperta a  coragem de uma garota para buscar a cura e salvar seu melhor amigo, impulsionando-a em uma trajetória cheia de desafios, descobertas e amadurecimento.

segunda-feira, 18 de março de 2019

Lançamentos e notícias da Jambô


A Jambô continua a todo vapor depois do carnaval.  Muitas novidades estão chegando e o catálogo da editora está repleto de novidades.  Confiram comigo tudo o que está rolando por lá no mês de Março.   Tem muita coisa bacana nas linhas de quadrinhos, RPG e outros.  A volta de Rat Queens, Sem Trégua 4, Medalhade Kallyadranoch e o selo Odisseias!

segunda-feira, 11 de março de 2019

Resenha: Caverna do Ladrão - Santullo e Jok (Jambô Editora)


A HQ Caverna do Ladrão, do roteirista Rodolfo Santullo (Uruguai) e do desenhista Jok (Argentina), foi publicada no Brasil pela Editora Jambô no final de 2018.   Com boas ideias e personagens interessantes, essa revista promete movimentar o universo fantástico com muita ação, confusão e humor.

quarta-feira, 6 de março de 2019

Resenha: A Casa dos Deuses - Portais da Liberdade - José Leonídio (Autografia)

 (...) se pode dominar tudo, menos o orgulho de um povo.


A Casa dos Deuses - Portais da Liberdade, do autor José Leonídio, foi publicado em 2018 pela Editora Autografia.  Esse é o primeiro volume de uma pentalogia que contará a história do Rio de Janeiro, entre os séculos XVI e XX.

sexta-feira, 1 de março de 2019

Lidos e Recebidos: Mês de Fevereiro


Vamos conferir os livros que chegaram por aqui em Fevereiro.  Aproveitando a oportunidade mostrarei também os livros que li durante o mês.  Alguns já tem resenha por aqui.  Espero que curtam as dicas de leitura e sugestões de livros.

quarta-feira, 27 de fevereiro de 2019

Resenha: Na sombra do mal - Newton Gondim (Kiron)

 (...) um jogo perigoso que não era conveniente jogar.


A sombra do mal, do autor Newton Gondim, foi publicado pela Editora Kiron em 2017.  O livro apresenta um enredo obscuro e assustador.  Com a invasão das tropas russas e derrota dos alemães, um homem escapa com a ajuda de uma poderosa rede de proteção a criminosos nazistas com a ideia insana de reconstruir o 4º Reich formado por uma super raça ariana.

quinta-feira, 21 de fevereiro de 2019

Autor: José Leonídio


A cidade do Rio de Janeiro é realmente maravilhosa e repleta de diversidade.  A mistura de raças e credos que se espalham por cenários tão diversos nos encanta pela beleza e grandiosidade.   Praias paradisíacas, favelas que mais se parecem com grandes cidades, arranha-céus luxuosos, tudo em um contraste que dificilmente se vê em outros locais pelo mundo.  Mas de onde vem tanta riqueza cultural?

terça-feira, 19 de fevereiro de 2019

Novidades da Jambô


A Jambô Editora está recheada de novidades.  Desde o fim do ano passado muita coisa boa foi lançada e o catálogo da editora está de encher os olhos.  Uma das coisas legais sobre a parceria com a Jambô está na possibilidade de entrar na loja e poder escolher o que eu quero receber em casa e mostrar com mais detalhes para vocês aqui no blog.  Essa liberdade de escolha já demonstra que absolutamente todo o catálogo é de qualidade. 

sexta-feira, 15 de fevereiro de 2019

Resenha: Desperte a sua fé e seja feliz - Luiz Cláudio Siqueira (Autografia)

Deixe Deus ser Deus.


Desperte a sua fé e seja feliz, do autor Luiz Cláudio Siqueira, foi publicado em 2018 pela editora Autografia.  Ser feliz está entre os desejos da maioria das pessoas, mas qual seria o segredo desse tão sonhado estado de espírito?  A felicidade é um sentimento abrangente e envolve as particularidades de cada pessoa.  Através das crônicas contidas no livro, temos a oportunidade de repensar nossa própria vida e descobrir que ser feliz é algo totalmente possível.  Basta acreditar!

segunda-feira, 11 de fevereiro de 2019

A Flecha de Fogo (Jambô Editora)

https://jamboeditora.com.br/produto/a-flecha-de-fogo/

Para dimensionar o que encontraremos no livro Flecha de Fogo, de Leonel Caldela, publicado em 2018 pela Jambô Editora, é necessário descobrir a grandiosidade do universo construído por Tormenta.  É importante saber que esta é uma obra que contém início, meio e fim; nada daqueles finais em aberto que deixam o leitor ansioso pelo próximo volume, ou mesmo um enredo que depende de livros anteriores.

domingo, 10 de fevereiro de 2019

38º Edição da Revista Divulga Escritor: Revista Literária da Losofonia

https://issuu.com/smc5/docs/38_divulga_escritor_revista_literar

A 38ª edição da Divulga Escritor: Revista Literária da Lusofonia acabou de sair.   Como sempre, ela está recheada de coisas boas  e você pode conferir gratuitamente através do link no final do post, ou clicando na foto da capa.   Nesse número tem a participação de autores de diversas nacionalidades.  Já deu pra ver que está incrível!

quarta-feira, 6 de fevereiro de 2019

Resenha: A praça do mercado - Jorge Sá Earp (7 Letras)


A Praça do Mercado, de Jorge Sá Earp, é um livro de contos publicado pela Editora 7 Letras em 2018.  As relações humanas são construídas sobre alicerces frágeis e delicados, e é nesse universo que o autor explora detalhes, aparentes ou sutis, para contar cada uma das doze histórias contidas no livro.

domingo, 3 de fevereiro de 2019

Resenha: O ainda não dura para sempre - Amauri Rodrigues (Kiron)


 (...) nenhum homem na sua essência é escravo (...)


O ainda não dura para sempre, publicado em 2015 pela Editora Kiron, é o primeiro romance de Amauri Rodrigues.  Ao conhecer os personagens de Vila K. Fundós, uma pequena cidade no interior de um país fictício, de dimensões continentais, chamado Pacó Baçu, percebemos logo que qualquer semelhança com o Brasil não será mera coincidência.

Lidos e Recebidos: Mês de Janeiro



Vamos conferir os livros que chegaram por aqui em Janeiro.  Aproveitando a oportunidade mostrarei também os livros que li durante o mês.  Alguns já tem resenha por aqui.  Espero que curtam as dicas de leitura e sugestões de livros.

domingo, 20 de janeiro de 2019

Resenha: Nas Brumas do desalento - Dylan Ricardo (Chiado)

Vasculhar as antigas e empoeiradas gavetas das lembranças pode ser muito perigoso (...) p. 13

Dylan Ricardo nos convida a percorrer o obscuro caminho de suas lembranças em seu livro As Brumas do Desalento, publicado pela Chiado Editora.  O passado, que desaba como um temporal assustador, resgata cada sentimento e angústia, fazendo com que o autor reviva cada uma de suas dores. 

terça-feira, 15 de janeiro de 2019

Autor: Luiz Cláudio Siqueira


A primeira vez que ouvi falar sobre o autor Luiz Cláudio Siqueira foi através de sua assessora de imprensa Andréa Drummond. Confesso que a principio imaginei que seria somente mais um livro como tantos outros do mesmo gênero que se propõe a falar de religião ou, ainda, daqueles que se tornam uma espécie de cartilha de autoajuda. Ledo engano! Foi isso que percebi logo nas primeiras páginas de Desperte a sua fé e seja feliz, publicado pela Editora Autografia. A leitura ainda está em andamento e logo trarei a resenha aqui no blog contando (e mostrando) todos os detalhes.

segunda-feira, 14 de janeiro de 2019

Parceria: Editora Jambô


Começamos um  novo ano e as novidades não param de acontecer.  O ano de 2019 promete ser repleto de coisas boas, e muitas surpresas já estão chegando por aqui.  É impossível conter o entusiasmo, pois simplesmente a Jambô Editora acabou de aterrissar em solo Atraentemente.  Nós agora somos Emissários do Castelo

sexta-feira, 4 de janeiro de 2019

Lidos e Recebidos: Mês de Dezembro


Vamos conferir os livros que chegaram por aqui em Dezembro.  Aproveitando a oportunidade mostrarei também os livros que li durante o mês.  Alguns já tem resenha por aqui.  Espero que curtam as dicas de leitura e sugestões de livros.

quinta-feira, 27 de dezembro de 2018

Resenha: Paralisia - André Nigri (Editora Reformatório)

 (...) a história se modifica a cada vez que a observamos.


O livro Paralisia, do escritor e jornalista André Nigri, foi publicado em 2018 pela Editora Reformatório.  Nos escombros de mais um relacionamento desfeito, permeando entre ódio, remorso e desespero, um homem busca sua própria reinvenção e salvação.  Passado, presente e futuro se diluem em uma trama envolvente e cheia de significados.

terça-feira, 11 de dezembro de 2018

Resenha: Do Inferno - Dylan Ricardo (Cultura em Letras Edições)


Do Inferno, de Dylan Ricardo foi publicado em 2017 pela Cultura em Letras Edições.   Em seu livro de estreia, inebriado pela solidão e acalentado pela noite fria, o autor debruça sobre dores, perdas e desilusões percorrendo o inferno de seus sentimentos.

terça-feira, 4 de dezembro de 2018

Resenha: Para que os vivos e os mortos descansem em paz - Danilo Otoch (Cultura em Letras Edições)

 Os mortos não contam a sua história.


Para que os vivos e os mortos descansem em paz, de Danilo Otoch, publicado em 2015 pela Cultura em Letras Edições, coloca frente à frente dois extremos do período da ditadura militar no Brasil.   O regime que durou 21 anos (1964 a 1985) ficou marcado pela censura, falta de democracia e, principalmente, pela violência com que combatia os movimentos de oposição.  O livro foi finalista do Prêmio de Literatura Biblioteca Nacional 2015, na categoria Romance.

Éramos soldados lutando uma guerra.

E se hoje os protagonistas dessa história trocassem seus papéis?  Se o torturado estivesse no lugar do torturador e vice-versa?  O fim da ditadura não conseguiu apagar as marcas que ficaram.  Para muitos essa guerra ainda não acabou.  Cada um dos personagens dessa história carrega as cicatrizes dessa luta, convivendo com suas próprias verdades. 

(...) senti dores há muito esquecidas (...)

Um novo encontro marcaria a vida de três homens.    De um lado, dois velhos amigos.   Marcos que, aparentemente, tinha uma vida feliz; e  João, cercado pelos fantasmas do passado que insistiam em assombrá-lo.  Do outro lado estava Dr. Asmodeu, o homem responsável pelas torturas que os dois sofreram durante a repressão.

Sempre soube que vocês viriam um dia.

Um novo plano havia sido traçado. Um sequestro estava prestes a acontecer, o que abriria as portas para um passado sombrio e terrível, repleto de segredos e ameaças reais.   Marcos e João buscavam respostas que somente Dr. Asmodeu poderia lhes dar depois de mais de 30 anos de silêncio. 

O papel de algoz não me caíra bem.

A linha tênue que separava uns dos outros precisava ser definida.  Bem e mal.  Certo e errado. Lembranças dos grêmios estudantis e das lutas políticas.  Histórias de perseguições e atos heroicos.  Torturas, exílio, amores, medo e silêncio...  Amigos que desapareceram e nunca foram encontrados.

A revolução devora seus líderes (...)

Enquanto dois deles queriam vingança, o outro desejava viver.  Um embate entre eles estava prestes a começar.  Durante dias, os dois  homens mergulharam na mente do torturador, revivendo e redescobrindo atrocidades de um passado ainda presente.  A sensação de trocar de papel, transformando-se naquele que decide pela vida do outro pode ser absurdamente incômoda.  Duas visões diferentes dos mesmos fatos.  O ponto de vista podia alterar todas as concepções, incluindo quem eram os mocinhos e quem eram os bandidos.

(...) seu companheiro é tão assassino quanto eu.
 

Danilo Otoch explora os conflitos internos dos personagens, e, assim, as experiências individuais enriquecem a construção de cada um.   João é frio, calculista e objetivo.  Marcos sente ódio do torturador, mas queria proteger-lhe a vida.  Dr. Amosdeu vive em paz com seu passado, quando acompanhado de um copo de whisky.

(...) a verdade inabalável de um homem pode ser facilmente a mentira inacreditável de outro.

Fleury, Marighela, Jucelino, Goulart e Zuzu Angel são apenas alguns dos nomes reais citados.  Um enredo envolvente e repleto de tensão nas entrelinhas, baseado em um estudo minucioso da época.  Uma reflexão, onde percebemos que não há vencedores em uma batalha que só deixou vítimas.  Um assunto que se fez tão presente nos debates dos últimos meses, que ainda se mostra atual e necessário.  Um passado sombrio que ainda não acabou.

O esquecimento é o primeiro passo para repetirmos os erros do passado.

Com 250 páginas, Para que os vivos e os mortos descansem em paz é um mergulho na história da ditadura de nosso país.  As folhas são brancas e as letras confortáveis.  O livro está dividido em 20 capítulos, onde o autor mistura ficção com fatos verídicos da época.  O livro é narrado por Marcos, mas grande parte enredo se desenvolve nas falas de Dr. Asmodeu.  Boa Leitura!

Eles são de verdade.  Estão por aí e continuam perigosos e mortais.


Para que os vivos e os mortos descansem em paz
Autor:  Danilo Otoch
Cultura em Letras Edições
Edição: 1ª (2015)
Páginas :  250
Dimensão:  14x21cm
ISBN 978-85-68209-04-2

ATENÇÃO!

Aproveite o Saldão de Fim de Ano da Cultura em Letras Edições. 

A Cultura em Letras Edições tem o prazer de comunicar a todos seu saldão de natal 2018! Livros a R$ 10 e R$ 15! E você ainda ganha brindes, marcadores e frete grátis para todo o Brasil! Tudo em conforto e segurança no cartão ou boleto pelo Pagseguro, sua compra garantida! Acesse o site e não fique de fora!


http://www.culturaemletrasedicoes.com.br


 https://www.instagram.com/culturaemletrasedicoes/https://www.facebook.com/culturaemletras https://twitter.com/CulturaemLetras

  https://www.skoob.com.br/usuario/2039572-cultura-em-letras-edicoes


Onde Comprar:

http://www.culturaemletrasedicoes.com.br/livros-cultura-em-letras/a-era-dos-mortos-vivos/


  Sobre o Autor:

Danilo Otoch nasceu no Rio de Janeiro, em 1968, e atualmente reside na cidade de Jundiaí (SP). Formou-se em em História, mas exerce a profissão de policial desde 1997.  Lançou os livros "Mundo Cão", sendo finalista do Prêmio SESC de Literatura de 2010, na categoria Contos, e "Para que os vivos e os mortos descansem em paz", também finalista do Prêmio de Literatura Biblioteca Nacional 2015, na categoria Romance.
Secretamente, escreve poesias e quando não está lendo ou escrevendo, dedica-se à família e à outra paixão, as artes marciais.




* Livro gentilmente cedido pela Cultura em Letras Edições.