slide-slick

sexta-feira, 29 de julho de 2016

Resenha: Caixa de Pássaros


Não abra os olhos!  Esse é o conselho de Johs Malerman no thriller psicológico Caixa de Pássaros. Durante muito tempo Malorie e as crianças, o Garoto e a Menina, não puderam ver a luz do dia. Esperaram ansiosos pelo momento certo de se aventurarem em uma fuga, sob forte neblina. 

Seriam 32 km pelo rio, buscando o que poderia ser a salvação de suas vidas.  Ela sabia que estavam a caminho de um lugar que poderia não mais existir, mas não havia outra esperança.

Quem me embarcou nessa aventura foi a Marcia Lopes do blog Mundo Literário.  Foi um presentão que ela me enviou e agradeço muitíssimo o carinho e a escolha do livro.  Eu adorei e quero dividir com vocês cada sensação que tive durante a leitura.

“O homem é a criatura que ele teme.”
 
Há mais de 4 anos Malorie não via o mundo exterior e as crianças nunca viram. Ela falou para os filhos sobre uma viagem, mas nunca sobre fuga, somente avisou que aquele dia chegaria. E agora iam se afastar da casa que os protegeu a vida inteira.  As crianças foram treinadas para ouvir, podiam escutar um sorriso e identificar o medo através dele.


Paralelo ao momento atual, o livro nos mostra os acontecimentos que transformaram o mundo em um lugar caótico. Pessoas simplesmente enlouqueciam, cometendo assassinatos bárbaros e tirando a própria vida em seguida. Tudo isso acontece em um momento em que Malorie e sua irmã Shannon estão indo morar juntas. Malorie descobre que está grávida, enquanto o mundo lá fora enlouquece. Os casos estavam cada vez mais próximos.

“É um blecaute, pensa Malorie. O mundo, o exterior, está sendo desligado. Ninguém tem respostas. Ninguém sabe o que está acontecendo. As pessoas estão vendo alguma coisa que as leva a machucar os outros. A machucar a si mesmas. As pessoas estão morrendo.”

Uma criatura desconhecida está à espreita em cada canto.  Quando vista, desperta o pior dentro de cada um, fazendo quem a viu destruir tudo e todos a sua volta. Os sobreviventes se trancam em casas com janelas bloqueadas, a única forma de sair é com os olhos vendados, onde tudo parece arriscado e assustador demais. 

“É a sua noção de como é a aparência delas. Você acrescenta detalhes a um corpo e a uma forma, mas não faz nenhuma ideia de como são. Cria um rosto que pode não existir."

O novo mundo leva Malorie à Riverbridge, para uma antiga casa onde passaria a viver com outras pessoas e um cachorro chamado Victor, um border collie.  É preciso se adaptar à nova era, temer o inimigo sem rosto e não confiar em ninguém que estiver a sua volta. 

“Na sua escuridão particular, se deu conta de que uma criatura poderia estar sentada no bar ao lado dela. Talvez o lugar estivesse cheio delas. Três por mesa. Observando-a em silêncio. Observando a mulher vendada, desesperada, e o seu cão-guia. Mas, naquele instante, por um segundo, ela não se importou.”

O pequeno barco levava Malorie e as crianças pelas águas do rio.  Na lembrança apenas as imagens de Tom e Olympia.  Queria esquecer dos outros, da casa e da pequena caixa de pássaros que alertava sobre a chegada de estranhos.  Sonhava com um novo dia, onde pudesse, junto com as crianças, ver o sol nascer e se pôr.  Mas ninguém sabe o que à espera no destino final...

“O mundo exterior soa como ela se sente por dentro. Tempestuoso. Ameaçador. Abominável.”

Eu senti, junto com ela, o desespero em cada momento no rio.  Durante todo o livro, cara barulho, cada respiração ou sussurro era como se eu estivesse vendado junto com eles no mesmo lugar, nas ruas, no poço.  Josh Malerman consegue nos transportar para o local e nos colocar na posição de cada um de seus personagens, porque o inimigo é tão desconhecido para eles, como para nós.  O clima é tenso porque o desconhecido nos assusta e o medo da morte iminente é aterrorizante.

Li e ouvi algumas críticas negativas sobre o livro, então prefiro dizer que a estória não é para qualquer um.  Não indico para aqueles que precisam de explicações prontas e sim para quem vive as angústias e alegrias a cada linha e quando fecha a última página, ainda mantém os olhos arregalados e a respiração acelerada, procurando entender o que aconteceu, como se tivesse vivido tudo aquilo.  Por fim, resta torcer para que nada parecido aconteça na vida real.  Boa leitura!

    http://www.intrinseca.com.br/caixadepassaros/
  • Caixa de Pássaros
  • Autor: Josh Malerman
  • Tradução :  Carolina Selvatici
  • Capa comum: 272 páginas
  • Editora: Intrínseca
  •  1ª Edição (01/2015) (reimpressão 03/2016)
  • ISBN : 978-8580576528
  • Dimensões do produto: 22,8 x 15,2 x 1,6 cm
  • Peso do produto: 408 g

31 comentários:

  1. Respostas
    1. Leia sim, Tiago, mas não se esqueça: Não abra os olhos! ou isso poderá ser fatal. rsrs

      Excluir
  2. Ai! Evandro fico tão feliz de vc tewr gostado. E realmente esse livro só os fortes entendem! rs (brinks)
    Na verdade o bom de ler é viajar junto com o autor, assim como faço comei tio Kink.
    Bjs

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pois é, Marcia. Fico louco para comentar aquelas partes que conversamos, mas prefiro que o leitor sinta as mesmas emoções sem nenhuma influência. É um livro para se envolver, não pra se explicar. rsrs Mais uma vez, obrigado.

      Excluir
    2. Por nada! Uma parte emocionante é qdo ela dá nomes ao menino e a menina.
      Bjs

      Excluir
  3. Ótima resenha!!! Eu li esse livro no começo do ano e ele se tornou um dos meus favoritos. Simplesmente amei ele. E as sensações que o leitor sente enquanto lê? kk eu agora vivo procurando outros livros do mesmo gênero para ler.
    Parabéns pela resenha <3
    ateoriadaslaranjas.blogspot.com.br

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Verdade, esse livro desperta várias sensações no leitor, é um grande diferencial do livro. Um certo desespero claustrofóbico.

      Excluir
  4. Eu já vi este livros algumas vezes e sempre tive vontade de ler. A princípio, me interessei pela capa e pela temática. Mas sendo a sua resenha, pude perceber que o livro é realmente muito bom. Adoro livro que conseguem nos transportar para o mundo dos personagens e conseguimos sentir a história com eles. Agradeço por mais uma resenha muito bem escrita. Parabéns e obrigado.

    http://meuniversolb.wix.com/meuniverso

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que bom que gostou, Leandro. Obrigado pela visita.

      Excluir
  5. Oi!
    Eu tenho esse livro aqui em casa e estou bem ansiosa para ler. Realmente vi muitas críticas positivas e negativas, mas acredito que isso se deve muito ao que você falou - nem todos gostam de um final "sem respostas".
    Mas gosto desse gênero e de livros que façam a gente pensar no final, criar explicações.
    Adorei a resenha.
    Bjss

    http://umolhardeestrangeiro.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É verdade, Carolina. Eu gosto de livros que nos tiram do lugar comum, e esse é um deles. rsrs

      Excluir
  6. Esse livro é surpreendente mesmo né :)
    Seu blog é muito lindo parabéns! Bem organizado e muito charmoso.
    Já estou seguindo para acompanhar sempre.
    Beijos,
    http://www.fabulonica.com/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Sim, é muito surpreendente. Muito obrigado pelos elogios. Seguindo o seu também.

      Excluir
  7. Fiquei muito interessada e curiosa pelo desfecho dessa história.
    Ótima resenha, muito bem escrita!
    Já anotei o nome do livro.
    Abraços.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pra quem gosta de estórias do gênero vale muito à pena ler. Eu adorei.

      Excluir
  8. Adorei a resenha literária, o livre parece ser muito interessante acho que vou comprar. Beijos

    ResponderExcluir
  9. Eu adoro ler resenhas, pra ver se vou me interessar em ler o livro mesmo. Beijos!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Eu também gosto muito de ler resenhas para escolher minhas leituras.

      Excluir
  10. Fique encantada pela resenha. Já quero muito ler!
    Beijos :*
    By Amanda Santos | Facebook | Instagram

    ResponderExcluir
  11. Que resenha top! Você sempre arrasa nas escolhas dos livros.

    ResponderExcluir
  12. Adorooo passar por aqui e ler tuas resenhas ... Sempre nos deixando com vontadinha de quero mais! Parabéns pelo post! Agora fiquei curiosa... Já quero ler! Abraços Sandra Paim @casanovaorganizada

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Isso porque não contei as melhores partes pra não fazer spoiler heheh

      Excluir
  13. Não conhecia o livro, mas adorei a resenha e saber um pouquinho sobre. Adoro suas resenhas são sempre bem explicadinha!!

    ResponderExcluir
  14. Ótima resenha como sempre. O livro parece ser bem envolvente, daqueles que não conseguimos parar de ler. Ótima dica. Vivi 😘

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Realmente, a cada capítulo a estória te prende ainda mais.

      Excluir

Obrigado pela visita. Deixe sua mensagem, é muito bom saber sua opinião.