slide-slick

terça-feira, 10 de outubro de 2017

Resenha: Mindsets - Mike George (Editora Vozes)

 A única maneira de nos libertarmos é perceber que ninguém é responsável por aquilo que sentimos; ninguém tem a capacidade de decepcionar você!


Em Mindsets, lançado esse ano no Brasil pela Editora Vozes, o autor Mike George nos convida a alterar nossas percepções, criar novas perspectivas e mudar nosso modo de pensar.  Simplificando, Mindset é uma palavra da língua inglesa que representa nossa mentalidade, nossa maneira de pensar, isso inclui nossas crenças, paradigmas e valores.

Ele percebeu plenamente que "não é o que acontece ao meu redor que me faz sentir assim, é o que eu faço com o que acontece à minha volta que me faz sentir assim"!

O mindset influencia diretamente em todas as nossas ações e escolhas. Acontece que, muitas vezes, somos influenciados por fatores externos, o que nos impede de agir por conta própria.  O autor nos mostra que é possível transformar nossa forma de pensar, de modo que possamos tomar nossas próprias decisões, sendo donos do nosso próprio destino.  Toda mudança só é consistente quando vem de dentro para fora.

Nós nos tornamos escravos daquilo que acreditamos que possuímos.

Tanto na vida pessoal quanto na profissional somos a todo momento influenciados pelos conceitos e concepções que temos dentro de nós.  São ideias que foram ao longo dos anos gravadas como a única verdade e somos resistentes em enxergar além delas.  Muitas coisas nos foram impostas culturalmente e, sendo assim, nossas atitudes e ações tendem a ser baseadas nessas informações.   Somos moldados por uma cultura egoísta e materialista, sendo que muitas de nossas frustrações e preocupações se vinculam a isso.  

Para ser você mesmo, vá fundo e jamais se compare com os outros!

Um exemplo disso é quando sofremos em função de outra pessoa, seja no campo amoroso, profissional ou da amizade, por uma opinião contrária à nossa ou alguma ofensa.  Sejamos realistas, quem é o verdadeiro culpado pelo nosso sofrimento?   Uma outra pessoa pode nos machucar fisicamente, mas quando se trata de emoção, nós somos os únicos responsáveis por nossos sentimentos.  Se estivermos estruturados emocionalmente, perceberemos que fatores externos dificilmente nos afetará.  Descobrir nossos valores nos dará seguranças em nossas relações, independente de qualquer rejeição que possamos sofrer.  Chegamos a carregar mágoa por anos devido às decepções e frustrações por expectativas em relação aos outros.  Grande parte dos nossos sofrimentos são por bobagens e nem percebemos que podemos facilmente mudar isso.  Sejamos sinceros, será que não poderíamos ser felizes, independente da aceitação do outro?

Sejam quais forem as qualidades que você vê no outro, você já as tem dentro de si mesmo; do contrário não poderia reconhecê-las.

Claro que algumas situações como morte ou grandes tragédias podem nos afetar violentamente, mas se soubermos como agir em tais casos, também nos reergueremos mais rapidamente e ainda mais fortes.  Em primeiro lugar, ninguém é dono de ninguém, sabemos que nascemos, crescemos e morremos, isso é fato.  Apoiar outras pessoas em situações semelhantes é um ótimo conselho para enfrentar tais perdas e aprender a lidar com elas.  Seja qual for sua crença, imaginamos que ninguém que nos ame gostaria que sofrêssemos depois de sua partida.   Grande parte do nosso sofrimento tem relação com nosso sentimento de posse.  Nosso medo de perder algo abrange tanto bens materiais como pessoas.  A vida é feita de mudanças, faz parte da trajetória e crescimento.  Isso significa mudar de rota às vezes, conhecer pessoas novas e se afastar de outras.    Quando entendermos que não possuímos nada, será mais fácil se adaptar à novas situações e imprevistos.

(...) em última análise, para uma alma iluminada, não há certo ou errado, 
apenas uma infinita variedade de percepções.


Lidamos o tempo todo com pessoas, e precisamos estar conscientes de que pessoas quebram promessas, pessoas traem  e nem sempre conseguem atender nossas expectativas.  Mais que isso, nem sempre estão erradas, somente agem sob um ponto de vista pessoal que é o delas.  Se dermos o nosso melhor sem esperar algo em troca alcançaremos um estágio onde as coisas boas serão bem maiores do que as ruins.  Levamos a vida tão à sério que nos esquecemos de nos divertir e brincar.  Sem isso, tudo fica muito pesado.  Claro que não podemos nos esquecer de tantas situações de sofrimento e opressão pelo mundo, mas em que sua tristeza ajudaria a terminar com isso?  Se realmente se importa com isso, você deve fazer algo real para ajudar o seu próximo e isso seria, com certeza, um enorme bem para você também.

Viver na esperança é viver com medo.  Esperança, muitas vezes, é apenas uma tentativa de colocar a preocupação sob uma ótica positiva!

O livro possui 192 páginas divididos em vários capítulos que falam de assuntos diversos.  Todos os temas nos leva à reflexões e exercícios.  Mais que isso, o autor nos convoca a agir e mudar pequenas atitudes,  estendendo esse debate entre amigos e conhecidos.   Esses são apenas alguns dos pontos quer Mike George nos apresenta.  O livro é recheado de bons assuntos, que nem sempre nos deixará confortáveis quando confrontados com nossa forma de pensar, mas o objetivo é exatamente esse, nos tirar da zona de conforto e descobrir nossa própria verdade.  Acho impossível terminar o livro sem ter mudado de alguma forma o jeito como encaramos o mundo e a nossa vida.  Eu indico a todos que estão dispostos a encarar seus próprios conceitos para encontrar seus verdadeiros valores. 

Para encerrar, uma pequena verdade.

Um dia, três discípulos vieram ver seu mestre.  Este lhes mostrou uma flor e perguntou sua cor.  O primeiro discípulo disse:  "Um marrom avermelhado".  E o mestre disse: "Você está certo".  O segundo discípulo disse:  "Eu vejo uma cor púrpura azulada".  E o mestre disse:  "Você está certo".  O terceiro discípulo disse, "Mas mestre, ambos não podem estar certos".  Ao que o mestre respondeu:  "Você está certo"!



Mindsets 
Autor:  Mike George
Tradução:  Jacqueline Valpassos
Editora Vozes
Páginas 192
Dimensão:  13,7 x 21,00 cm
Edição 1 (2017)
ISBN 978-85-326-5463-2


Só quando você dá o que TEM dentro de si é que conhece o que você É.

http://www.universovozes.com.br/livrariavozes/web/view/DetalheProdutoCommerce.aspx?ProdId=8532647944


Contatos da Editora Vozes 
Editora Vozes Ltda 
Caixa Postal 90023 Rua Frei Luís, 100, Centro 
Cep 25689-900 Petrópolis/RJ 
faleconosco@vozes.com.br 

Televendas (24) 2233-9029 / (24) 2233-9042 
vendas@vozes.com.br   

A Editora nas Redes:
 
http://www.facebook.com/EditoraVozes?sk=app_224100727644347https://www.instagram.com/editoravozes/http://www.twitter.com/Editora_Vozes




* Livro cedido em parceria com a editora.

18 comentários:

  1. Uau que sensação de liberdade só com alguns trechos já se vê que é um ótimo livro , e eu adoro livros de reflexão, adorei a resenha do livro e já estou curiosa pra ler ele todo 😘

    ResponderExcluir
  2. Evandro, como sempre, trazendo-nos resenhas completíssimas! Gostei muitodo que li em sua resenha, alguns trechos me confrontaram e imagino que a leitura desse livro o fará ainda mais. Fiquei interessada, vou procurar lê-lo.

    ResponderExcluir
  3. Gente, esse livro deve ser uma delícia! Acredito muito nisso de sermos fortemente influenciados a pensar como a grande maioria e ver um livro que traz uma proposta de pensar por nós mesmos me deixa muito interessada e cativada! O exemplo do sofrimento é muito claro, nós nos deixamos pra baixo né? Coisas boas nos fazem refletir né? Com certeza é o caso desse livro, ja quero

    ResponderExcluir
  4. ola tudo bem? O MINDSETS, é o tipo de de leitura que gosto , ele traz um verdadeiro desafio necessario que é mudar nossa maneira de pensar , custumamos a não aceitar as perdas e nos doamos sempre esperando retribuições. Preciso ler esta obra. bjsssss

    ResponderExcluir
  5. Nossa, Evandro... gostei muito desse livro! Ele cutuca num ponto que incomoda a todos! É muito dificil não criar expectativa nas outras pessoas e mais dificil ainda lidar com as emoções após uma decepção. Acho que todo mundo deveria melhorar nesse ponto! Vou procurar o livro pra mim!

    ResponderExcluir
  6. Oi tudo bem primeiramente parabéns pela resenha como sempre só trás resenhas boas,sobre o livro gostei muito,embora não gostar muito desse tipo de livro mais achei bem interessante para ler tem até uns trechos que eu gostei bastante.beijinhos.

    www.alzineterodrigues.com

    ResponderExcluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Olá! Olha, nesse mundo atual que vivemos onde tudo praticamente tem que ser compartilhado nas redes sociais é realmente manter-se firme e não se deixar levar pelas influências. Prova disso é a profissão da moda né, os digital influencers, que parece que ditam o poder de compra e o estilo de vida das pessoas que os acompanham. Esse livro parece ser bastante interessante e deve deixar aquele gosto de reflexão literária ao finalizar a leitura, estou bastante interessada nele. Realmente, não nos compararmos é um ato que faz bem a nossa saúde mental, de que adianta ficarmos comparando a fruta do vizinho que é um limão com a nossa que é uma manga? Adianta de nada e só causa frustrações. Gostei do trecho da rosa. Como sempre o Atraentemente nos trazendo uma variedade de resenhas, essa é a marca única do teu blog, nós gostamos disso. Beijos.

    ResponderExcluir
  9. Olá!

    Particularmente, esse tipo de livro não me agrada, mas pelo jeito que você escreveu dele, parece ser uma leitura interessante e proveitosa.
    Adorei o trecho final!

    Beijos!

    ResponderExcluir
  10. Me parece uma leitura bastante interessante, e eu creio que será uma ótima indicação para o meu namorado aqui, que lê muito esse tipo de conteúdo! Já já eu mostro aqui para ele o seu post! Beijos!

    ResponderExcluir
  11. Parabéns amado pela resenha! amo ler suas resenha, quando tudo que leio me deixa muito curiosa! gostei desta frase! ''Esperança, muitas vezes, é apenas uma tentativa de colocar a preocupação sob uma ótica positiva!'' sou sua fã viu! beijinhosssssssss

    ResponderExcluir
  12. Como sempre resenha maravilhosa e que nos faz ter mais interesse em ler o livro.

    ResponderExcluir
  13. Evandro o livro de Mike George é maravilhoso, o livros nos trás uma reflexão que temos que mudar as nossas atitudes. Pois as nossas atitudes nos faz mudar muitas coisas em nós, e mudamos o conceito das pessoas que convivem perto da gente, Evandro excelente a resenha do livro, o livro é recheado de assuntos importantes, abraços.

    ResponderExcluir
  14. Oi, tudo bem?
    Eu amei esse livro, sério! Amo livro que me faz refletir e parece que esse livro é exatamente o que eu preciso no momento!
    Parabéns por esse blog incrível e por trazer tantas resenhas maravilhosas para nos! Te desejo muito sucesso!!

    ResponderExcluir
  15. Se pensarmos bem,somos nós os únicos responsáveis por tantas decepções que temos na vida,pois criamos muitas expectativas,idealizamos pessoas,coisas e situações e acabamos,muitas vezes quebrando a cara,já que nem sempre o outro pensa e nem é obrigado a pensar como nós e a querer o mesmo que nós queremos!
    Gostei bastante da resenha e quero muito ler o livro Mindsets.
    Beijos!

    ResponderExcluir
  16. Oi Evandro, tudo bom ? Que livro interessante, não conhecia, mas gosto desse tipo de leitura. Eu aprendi que nossos pensamentos geram sentimentos e sentimentos geram ações, se a gente não tiver o controle mental necessário podemos cometer erros ou perder grandes oportunidades. Adorei a dica, bjs

    ResponderExcluir
  17. Eu ja li vários livros mas este eu não conhecia ,mas você faz uma resenha tão bem feita que ja da pra ter uma ideia legal de todo o livro e ja me deu vontade de ler parabéns.

    ResponderExcluir
  18. Olá Evandro!Este livro do Mike George é magnífico,pois nos mostra a vida por vários ângulos,nos passando uma mensagem bem realista sobre nossos sentimentos,após a leitura deste livro com certeza,ficamos renovados e fortalecidos,excelente resenha.Bjss

    ResponderExcluir

Obrigado pela visita. Deixe sua mensagem, é muito bom saber sua opinião.